quarta-feira, maio 05, 2010

Como está bonita a Praia da Tocha

Bom dia
Como está bonita a Praia da Tocha, desde que tiraram o café que "que agredia a paisagem", agora sim, para qualquer pessoa por muito sensivel que seja, fica contente por ver finalmente um lindo monumento no local do anterior "mamarracho".
Feliz de quem consegue este tipo de mudança, belo cartaz de apelo aos turistas, para o início da época balnear.
P.S.- Gostei muto, talvez as chapas se fossem maiores e com "grafities" dariam outro colorido mais apelativo. Bela obra e muito oportuna.

14 comentários:

C.Oliveira disse...

Eu até gosto! Só vejo vantagens!

1) Essas chapas servem de abrigo de vento e sombra para pessoas com mobilidade reduzida, assim já escusam de trazer os utensílios de praia.

2) Também para aqueles que dão um mergulho e depois vão beber um fino, agora, como têm de andar mais, bebem dois, chegam lá acima com mais sede.

3) Servem também de alivio para os aflitos, chapa que é chapa tem de tresanar a mijo pelo menos a 50 metros!

4) Os religiosos ficam agora com uma filial do Muro das Lamentações na Paria da Tocha, claro, de chapa lacada, para ser de pedra deveriamos estar em véspera de eleições!

5) Se podiam ter feito as obras noutra época do anos? Poder podiam, mas não era a mesma coisa!

Anónimo disse...

O problema maior vai ser o volume do mamarracho... ah, pois!
É o país que temos... por mais que se queira...
O poder dos sifrões é que manda... "mai nada"!

Anónimo disse...

Aquela areia toda ali à vista, que desperdício. O que a CMC deveria autorizar era a construção de umas dezenas de blocos de apartamentos naquele areal e deixar alguns corredores estreitos de acesso à água. Isso é que era crescimento e desenvolvimento.

Anónimo disse...

Mais uma obra do alquitreco Acalitro, que já tem arrendatário.

Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
Mário Caniceiro disse...

Não sei o que estão a pensar fazer no areal da praia da Tocha onde passei alguns momentos da minha infância, mas espero que não façam o mesmo que se fez na Figueira da Foz. Em pleno lugar central implantaram um OÁSIS (a cagada está lá para se ver). Gastaram 100.000.000$00 (cem mil contos) - 500.000 EURO (quinhentos mil euro) - grande santana lopes, volta que estás perdoado, mas volta depressa senão o dinheiro acaba.

Bruno E. Santos disse...

Não sei o que está a ser construído, mas penso que a estrutura deveria (ou deverá ???) incluir bons equipamentos sanitários, pois tem sido esta uma das lacunas do areal da Praia da Tocha, desde as demolições de há poucos anos atrás!

E já que se está a construir no areal, deixo aqui uma sugestão para um regresso àquela zona!

Não sei se repararam, mas recentemente foi demolido o último dos Palheiros que se poderia chamar de original e verdadeiro! Existem ainda contudo várias casas de transição entre o palheiro e a habitação moderna (eu designo-as por "Palheiros de 2ª ou 3ºgeração! :-)"), que ainda vão captando a atenção dos visitantes!

A minha ideia é que deveria ser construída uma réplica fiel de um Palheiro, próximo da biblioteca, para aí colocar objectos do passado, fotografias e informações históricas em 2 ou 3 idiomas! Uma espécie de pequeno núcleo museológico simbólico!

No Verão, o espaço poderia ser aberto e fechado pelo funcionário de serviço na biblioteca! No resto do ano, as chaves poderiam ser entregues à AMPT para as facultar a eventuais grupos de visitantes interessados!

É apenas uma ideia...

Anónimo disse...

O arquitecto Eucalipto é a pesssoa mais indicada para os riscos de um palheiro da Tocha, sem dúvida!

Bruno E. Santos disse...

Estou fora do contexto! Algum Anónimo me pode explicar a mim, ínfimo ignorante, quem é esse famoso arquitecto?

É que arquitectos portugueses famosos só conheço uns 2 ou 3 pela suas obras e intervenção cívica, e um outro pelas suas obras e "performances em vídeos caseiros"!

C.Oliveira disse...

HAHAHAHAHAHAH!!
Quem é que não conhece esse dos vídeos caseiros!!?
Um dia destes ainda alguém se lembra e faz uma montagem desse tal arquitecto lado a lado com o famoso Ron Jemery!

Já agora para quem não conhece Ron Jeremy, é um famoso pianista e comediante norte americano!
http://www.youtube.com/watch?v=x9Thbe8HhQc

...no entanto dizem as más línguas que ele também faz uns vídeos caseiros... náaaa eu acho que isso é tudo mentira! São tudo manobras de difamação...

Bruno E. Santos disse...

Ron Jeremy é o ícone mundial da sua indústria, o grande profissional de topo, em actividade desde os anos 70! E até agora escapou sempre à "doença profissional" que vitimou precocemente vários dos seus colegas de profissão! Será sorte, acaso, categoria, classe, ou será ele um "case-study" para Imunologistas?

Será que tal conceituado pianista já deu algum concerto num cenário reservado e pouco frequentado idêntico aos que se podem encontrar nas dunas e florestas que rodeiam a Praia da Tocha? Já ouvi muitas histórias de pianistas amadores que vão tentar imitar o mestre para esses cenários! :-) !

JOMAPA disse...

Não vamos já criticar uma obra que a ser de uma arquitetura bonita, e conforme determinam as regras do plano da orla costeira, de certeza que irá ser uma mais valia para a nossa bonita praia. Pode ser que os "costaneiros" saiam de lá depressa, se calhar antes do S. João. Afinal aquilo é só encostar madeira!...
Agora já ouvi dizer, ou pelo menos os locatários desconfiam que:
-Vai haver música até altas horas, em zona de dormitório com crianças;
-Invariavemente vai haver disturbios e garrafas partidas no areal;
Eu prefiro esperar para ver.
Afinal existem estruturas semelhantes por todo o nosso litoral, cuja prioridade é o bem estar e o apoio aos banhistas.
Penso que as autoridades fiscalizadoras e a própria C.M.C.não vão quebrar uma regra onde já muitos outros triunfaram!...

Helder Gonçalves disse...

Presumo que esta obra não é da Câmara, mas sim da Capitania, e como obra pública fiquei espantado pelas atrocidades que se estão a cometer:
Foram demolidos os antigos bares por estes conterem betão, ora estes estão a ser construidos com traves de ferro (embora forradas a madeira os antigos também poderiam ser forrados);
Hoje (sábado) as obras continuam sem qualquer protecção e sinalização, estão a ser cortadas as vigas de ferro em pleno passeio, junto a uma estrada com passadeira com limalhas encandescentes a saltarem para as pessoas e carros, onde está a fiscalização??
As vigas estão a ser enterradas na areia sem qualquer sapata de cimento, tratando-se de areia solta, amanhã enterrar-se-ão por ela dentro...
Os trabalhadores, que trabalhando com uma rebarbadora, não estão devidamente equipados com luvas oculos de protecção...
E francamente 600m2 de implementação em pleno areal é um atentado!!!

Helder Gonçalves disse...

http://nuncaprapior.blogspot.com/2010/05/olha-para-o-que-eu-digo-nao-facas-o-que.html