sexta-feira, outubro 26, 2007

Quinta biológica

Houve em tempos quem clamou por um entreposto de produtos agrícolas para o concelho de Cantanhede. Ora essa bandeira está a ser erguida, na prática, ali para os lados de Montemor-o–Velho, bem à saída Auto-estrada em Arazede. Por cá tem-se desprezado os poucos agricul­tores que temos e os seus produtos, deixando-se ficar em regadios de relvados de jardins, rotundas e quintas biológicas de vocação duvidosa. Sabendo todos nós o estado lastimoso a que chegou a agricultura na Gândara após reforma da PAC, não seria acertado que a Excelentíssima gestão da Câmara de Cantanhede, já que tem a A17 quase pronta, cujo nó de ligação no concelho é aqui entre Sanguinheira de Baixo e Escoural, pensar e planear em coisa idênticas, tal como uma plataforma comercial e industrial (porque não), na linha das melhores técnicas e conceitos disponíveis, ali para a Sanguinheira de Baixo e Sequilha, em vez de lançar projectos para mais campos de futebol?

6 comentários:

M.Domingues disse...

Com toda a certeza vai ser assunto de campanha para as próximas eleições autárquicas, lol , leia-se no Independente de Cantanhede 24-10-2007 "Contrato garante novo caminho agricola à Tocha. ... Já é o início da continuidade dos acessos à A17.

abrasado disse...

A ideia base é: fazer apenas aquilo que traga votos, porque isso sim é que é o garante do futuro de alguns. Há cadeirões na CMC que têm "cola-qq-coisa" ao lugar.

Anónimo disse...

E não seria uma cooperativa que deveria propor a centralização dos produtos agrícolas?
E não seria essa que deveria propor aos agricultores métodos e técnicas de produção.
E quando é que se propõe de acabar com cultura de lençóis, pois quantos agricultores têm 20 ou 30 canteiros desse tamanho, espalhados por varias freguesias.
E hoje os excedentes acabaram na UE. Se se sobreviveu até agora, este facto deveria trazer esperanças para uma agricultura rentável.
Mas é necessária uma produtividade que é inatingível com culturas de 500m².
E uma melhor produtividade sem necessidade das quantias de produtos fitossanitários e outros adubos empregados até agora nas culturas, com o corolário de ter poluído a maioria das nascentes naturais e degradado os solos para grande benefício do lobby da química.
Bom isto não quer dizer que a câmara tenha uma boa actuação, assim como a maioria dos eleitos de freguesia. Mas para modificar este estilo de gestão será necessária uma revolução cultural desses eleitos e do povo que os elege.

DITO E FEITO disse...

muito bem dito

BIO_Catarino disse...

PAra quÊ implementar medidas a favor da Agricultura e dos agricultores do concelho, se estes preferem ver rotundas floridas, o saneamento por funcionar e campos de futebol.. o que nos vale é ter UM agricultor biológico!!!

bio_inova disse...

O meu amigo bio_catarino está mal informado. Cometeu um erro de 50%.
No concelho de Cantanhede existe mais 1 agricultor biológico:
- INOVA, EM na classe de pastagens.

Aqui têm a explicação para tanto estádio com relva verdejante...