quarta-feira, novembro 07, 2007

Mil palavras

(Clicar na imagem para aumentar)
De autor meu conhecido.

5 comentários:

M.Domingues disse...

Em tempos que era proibida (por motivos que hoje muitos não sabem e eu já não me lembro!...) a venda de revistas ou que levassem ao prazer solitário, havia o "parece mas não é"!
...Memórias!!!
Cps.

Manel disse...

Caro M. Domingues,
Até faz lembrar o prazer solitário do dador de esperma!
Já o Hilário cantava "... a forma de uma guitarra".
De memória desenha-se melhor, e foi isso o que o artista fez.

Anónimo disse...

É nem sempre o que parece é....

cpts

arsénio disse...

É a panela de pressão, senhoras e senhores! Onde se coze o grão que perturba o olhar macho que atrai, em trinos de guitarra, do berço até à morte!
Mistério? Nenhum. Ou melhor, todo o mistério do mundo!
Parabéns.

Manel disse...

caro Amigo Arsénio,
É isso aí, como diria em português do Brasil.