quarta-feira, outubro 03, 2007

Falamos do que amamos

Falamos do que amamos. Tudo o que tenho passado pela minha vida é um pouco do que sou. O que partiu deixou um pouco e levou um pouco de mim. Foi algo semelhante a isto que li, em tempos, de Sáint - Exupèry. Com a vida vou aprendendo a perceber o que li em tempos.
Atingir a sabedoria de vida como Ribeiro dos Santos é uma bênção e um caminho apontado a viver a vida com amor, porque quando amamos não somos donos nem proprietários do que amamos.

1 comentário:

Arsénio disse...

É assim mesmo, amigo Manel! Gostei de o ler aqui de uma forma muito particular. Felicito-o, felicitando-me. Não há dúvida, está feito um Homem! Que não pára, a olhar em frente!