terça-feira, janeiro 02, 2007

Cego é aquele que não quer ver

Sou contra a pena de morte. O ditador Sadam foi enforcado. O vídeo que adiciono link (http://www.bulletinboardforum.com/4760-Saddam_Hanging_Video.html), é de uma violência que não pode ser escondida e que coloca quem o mandou executar ao mesmo nível do ditador assassino. Não existe justiça debaixo deste céu e muito menos por cima dele, mas seria mais justo para a humanidade o julgamento do ditador assassino num tribunal internacional, tribunal esse que os EUA na pessoa do presidente Bush recusam em reconhecer, pois outros ditadores protegidos com Pinochet ou de estimação como Castro, não foram nem serão julgados. Os senhores Bush, Blair, Aznar e Durão, agora Barroso, ficaram muito mal na fotografia das Lajes. Tudo isto deu no que deu, pois cego é aquele que não quer ver.

5 comentários:

M.Domingues disse...

Amigo Manel,

Isto não foi mais do que uma promessa cumprida.....
Um T.P.I.,não serviria para cumprir promessas !!!! ????

Um abraço

Cristina disse...

mas esses são os vilões bons, né??:P

vou-te deixar lá um "reptil"..:P

beijinhos

Manel disse...

Caro Manel:
Claro que uma cabeça na bandeja funciona, em especial para fanáticos político-religiosos.

Manel disse...

Cristina,
Os vilões também passam de bestiais a bestas num instante e há ainda os vilões que ganharam eleições.
Complicado!

Anónimo disse...

O Saddam responsável de martírio sobre o seu povo, como o Bush, responsável do martírio de um povo estrangeiro, ambos julgados lado a lado, como os assassinos que são.
Seria essa a justiça.
E o TPI teria muito trabalho também com os lacaios e cachorrinhos como o Blair, Aznar e o eis maoista Barroso.